Mês: outubro 2017

Está pintando River Plate e Grêmio nas finais da Libertadores

Está pintando River Plate e Grêmio nas finais da Libertadores

Estarei ao vivo nesta quarta falando direto da Arena durante o nosso programa Sbt Esporte. Certamente uma das pautas será a classificação do River Plate (Argentina), que deverá enfrentar o Grêmio nas finais da Libertadores.

Escrevo no intervalo e preciso dormir. O placar está dois a um para o River, que venceu o jogo de ida, em casa, pelo marcador de um a zero. Portanto, podemos praticamente garantir que o tricampeão da América está passando.

No fim de semana, os portenhos foram goleados no Campeonato Argentino. Talleres 4 x 0 River Plate. O time da região metropolitana de Buenos Aires, também, foi derrotado. Huracán 4 x 0 Lanús.

O River Plate está chegando pela sexta vez na final da competição e, por isso, leva um certo favoritismo, se realmente o Grêmio for confirmado na decisão. O primeiro confronto será dia 22 de novembro. A final será dia 29,  na Arena.

Opinem.

EDITADO ÀS 00h10:

Fui obrigado a pular da cama. Pensei que tudo estava decidido a favor do River Plate, mas futebol é realmente sensacional. Não é que o Lanús virou o jogo no segundo tempo e está fazendo o placar de 4 x 2?

Um resultado que está garantindo o time da região metropolitana de Buenos Aires para a sua primeira final de Libertadores da América.

Histórico o momento do Lanús, do veterano e bom jogador Sand (37 anos). O primeiro confronto deverá ser na Arena, dia 22 de novembro. A final deverá ser dia 29 de novembro, na Argentina.

 

O problema não está no treinador

O problema não está no treinador

O futebol do Internacional tem sido durante toda a temporada, tosco, pobre e desanimador, apesar da melhor campanha do Campeonato Brasileiro, série B. As melhores atuações foram no GreNal (campeonato estadual), diante do Corinthians e também do Palmeiras (Copa do Brasil). Portanto, o maior problema não está no treinador.

Foi o clube que continuou errando no futebol, como a direção anterior fez no ano passado. Ou vocês concordam com as contratações de jogadores como: Danilo Silva, Carlinhos, Cirino, Gutiérrez, Roberson, Carlos, Alemão e Néris? Foram mais ou menos 13 reforços, mas as únicas incontestáveis foram as de Edenílson e Pottker.

Uendel, Klaus e Cuesta ainda precisam provar. Aliás, um dos equívocos colorados foi o miolo de zaga. Na opinião do blogueiro, a direção se equivocou com a saída de Paulão, o melhor zagueiro do grupo colorado, sem falar em Ernando, que é o segundo melhor jogador de defesa do time.

Sobre D’Alessandro, ele deu um show de desequilíbrio emocional, depois da derrota para o Ceará, no Beira-Rio. Não foi a primeira vez que o argentino demonstrou irritação com parte da torcida. Menos mal que ele tentou se justificar na zona mista do estádio. Disse que estava de cabeça quente e, praticamente, pediu desculpas.

Mas na verdade, D’Alessandro não consegue jogar mais como jogava antes. E faz tempo que isso não ocorre. A torcida o idolatra e com razão. O meia conquistou muitos títulos pelo Inter, mas jamais o clube será menor do que ele. O torcedor tem o direito de vaiar quando a equipe está mal. Novamente, pelo bem do Inter, tomara que tudo possa ser absorvido por todos.

“Quem tudo quer, nada tem”, dizia Fábio Koff

“Quem tudo quer, nada tem”, dizia Fábio Koff

Independentemente do resultado com o Avaí, pelo campeonato brasileiro, neste domingo, o técnico Renato Portaluppi agiu corretamente. É impossível ganhar tudo quando analisamos mais de uma competição. O ex-presidente Fábio Koff nos ensinou no passado e o atual treinador gremista sempre foi um aluno atento aos ensinamentos do ex-dirigente tricolor. “Quem tudo quer, nada tem”, dizia Koff.

A vitória fora de casa diante do Barcelona, na quarta passada, foi uma aula de planejamento da direção e da comissão técnica. Para acabar de vez com os corneteiros de plantão, dentro do próprio clube e de parte da torcida. Em futebol, disse Romildo Bolzan Junior, é preciso ter convicção, errando ou acertando. Por isso, o Grêmio está praticamente nas finais da Taça Libertadores da América. Ganhar ou perder a decisão faz parte do contexto.

Não achei que o time gremista tenha tido uma grande atuação contra os equatorianos. Ganhou com autoridade e merecidamente, indubitavelmente. Sobrou preparo físico e organização tática. Mas o adversário estava muito desfalcado, também. Nada que desmereça a vitória em pleno Monumental de Guayaquil. Com grandes atuações individuais como foram as de Luan, Kannemann, Geromel, Edílson e Fernandinho (no segundo tempo) e Grohe.

Opinem.

 

Inter perde diante de quase 40 mil colorados

Inter perde diante de quase 40 mil colorados

O que parecia impossível, acabou acontecendo diante de quase 40 mil colorados no Beira-Rio. O time vermelho perdeu de 1 a 0 para o frágil Ceará, pelo Campeonato Brasileiro, série B. Algo precisa ser feito.

No primeiro tempo, ninguém jogou nada. Acredito que ambas equipes estavam envergonhadas pela apresentação. Se bem que o Inter é que tinha a obrigação de mostrar alguma coisa boa.

Escrevi no twitter ser impossível que um dirigente, mesmo com pouco conhecimento de causa, ao menos, não tenha intercedido na escalação de Roberson no comando do ataque.

Na etapa final, com as entradas de Camilo e Nico López, apesar do gol de Élton para os nordestinos, o time até que poderia ter empatado. Mas essa direção não merece. São amadores comandando o futebol do clube. Inexperientes, lamentavelmente.

 

Promoção valendo dois ingressos de cadeira da BRIO para o jogo do Inter

Promoção valendo dois ingressos de cadeira da BRIO para o jogo do Inter

Pessoal do Sbt está achando que eu sou pé quente, tanto com o Grêmio como com o Internacional. Na dúvida, estarei, neste sábado, no estádio Beira-Rio, para acompanhar o jogo do Colorado contra o Ceará, pela série B, pelo Campeonato Brasileiro.

E estarei fazendo com que um de vocês do blog possa ganhar duas cadeiras especiais da BRIO. Mas tem que ser o primeiro a INFORMAR AQUI no blog do Vidarte,  o nome completo do proprietário e fundador do MOITA LANCHES.

Você precisa colocar nos nossos comentários do blog, o seu nome completo ou endereço eletrônico para concorrer. Se ninguém acertar, entregarei os dois ingressos, depois das 16h, no estádio Beira-Rio. Boa sorte!

Anderson volta a buscar o pico

Anderson volta a buscar o pico

No Sbt Esporte desta sexta-feira o lateral esquerdo, lateral direito, volante e meia, Anderson da Silveira Ribeiro, mais conhecido como Anderson Pico, ou simplesmente Pico, será o nosso convidado. Ele está apalavrado com a direção do Cruzeiro, de Porto Alegre, ou seria de Cachoeirinha, visando a disputa do Campeonato Gaúcho.
O jogador está com 28 anos e atuou em vários clubes, depois de iniciar a carreira no Grêmio. Passaram por ele Figueirense, Santo Ângelo, Brasiliense, Juventude, São José,  Chapecoense, Novo Hamburgo, Flamengo e Dnipro (Ucrânia). Neste ano, o Internacional chegou a sondá-lo para disputar a série B, mas acabou não acontecendo.
Anderson Pico é um dos raros laterais destros, mas que, também, sabe se utilizar da perna esquerda. Uma espécie de um ambidestro do futebol. Ele foge dos padrões físicos dos jogadores, por ser forte e “parrudo”.  Assim, ele se destaca pelas fortes cobranças de lateral, apesar dos problemas apresentados por estar quase sempre acima do peso.
Opinem.
Líder e vice-líder empataram e a diferença permaneceu igual na tabela

Líder e vice-líder empataram e a diferença permaneceu igual na tabela

Num jogo estratégico e até mesmo muitas vezes burocrático, Corinthians e Grêmio empataram em zero a zero, no Itaquerão, em São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. A diferença permaneceu nos 9 pontos entre o líder e o vice.

No primeiro tempo, Jô colocou uma bola de cabeça rente a trave direita de Marcelo Grohe. No segundo, houve uma chance de falta, cobrada por Edílson, em que a bola tocou no travessão superior do goleiro Cássio e não entrou.

No jogo não houve algum jogador que possa ser considerado o melhor em campo. Foi confronto muito equilibrado e com quase nenhuma jogada individual. O destaque foi mesmo o retorno de Luan, que demonstrou estar recuperado.

Sobre a arbitragem do senhor Héber Roberto Lopes (SC), que supostamente foi duramente criticada pelo presidente gremista, não vi nenhuma irregularidade. Aliás, sempre considerei o árbitro um dos melhores do futebol brasileiro.

Pergunta: o blogueiro estava correto ou equivocado quando antecipou em junho que o Corinthians seria campeão brasileiro por causa das várias competições em disputa, além do Brasileirão.

Opinem.

Nem mesmo volta olímpica a direção merece

Nem mesmo volta olímpica a direção merece

A cada partida, independentemente do resultado, o Internacional nos deixa com a certeza de que muita coisa precisa mudar para o ano que vem.

Inclusive, alguns dirigentes. Não houve planejamento e, fundamentalmente, competência para montar o grupo de 2017. São inúmeros equívocos.

Menos mal que a série B é de uma fragilidade e pobreza jamais imaginadas. A atuação contra o Boa Esporte é um das situações vistas.

Às vezes, o próprio blogueiro tenta achar algumas manchetes positivas, mas acaba fracassando. A torcida colorada não merecia tal realidade.

De qualquer maneira, a equipe está garantida. A vaga é uma questão de pouco tempo. Sinceramente, o bom seria que nem mesmo volta olímpica pudesse ser percorrida.

Opinem.