Mês: maio 2017

Inter é eliminado pelo Palmeiras

Inter é eliminado pelo Palmeiras

POSTADO LOGO DEPOIS DE INTER 2 X 1 PALMEIRAS – COPA DO BRASIL

O Inter começou alucinadamente contra o Palmeiras no Beira-Rio, algo que jamais aconteceu na atual temporada.

A equipe chegou a fazer dois a zero, placar que classificaria o alvirrubro para a etapa seguinte da Copa do Brasil.

Mas, no segundo tempo, o Verdão conseguiu marcar fora de casa. Internacional foi eliminado frustrando, de novo, a sua torcida.

Pergunta: será que o fracasso na CB não é uma boa para o time, que poderá se concentrar integralmente na sua volta para a série A?

Opinem.

Grêmio ganha e sonha com o hexa

Grêmio ganha e sonha com o hexa

POSTADO IMEDIATAMENTE APÓS FLU 0 X 2 GRÊMIO

Às vezes um time é favorecido e outro prejudicado. Na vitória sobre o Fluminense, em pleno Maracanã, os cariocas levaram a pior.

O Carlos Simon, comentarista da Fox, disse que o árbitro esteve aquém do nível do jogo pela oitavas da Copa do Brasil.

De qualquer maneira, o Grêmio mereceu o placar. A equipe gaúcha está numa ótima fase. Luan foi autor de um golaço, aliás mais um.

Apesar do erro do árbitro em expulsar um jogador no início da partida, o Grêmio soube realizar uma boa apresentação.

 

Bruno Braga foi o vencedor da promoção do Inter – 10 anos de blog

Bruno Braga foi o vencedor da promoção do Inter – 10 anos de blog

Esta é a mensagem vencedora da promoção comemorativa aos 10 anos do blog VidarteReporter, que deu ingresso para o jogo Internacional x Palmeiras. Confiram:
Bruno Braga em disse:Editar

Inter, estivemos juntos em copas, campeonatos e mundiais, mas na B prometo não te deixar jamais.

ESPN antecipa ‘Relatório Bomba’ do STJD que sugere o rebaixamento do Inter

ESPN antecipa ‘Relatório Bomba’ do STJD que sugere o rebaixamento do Inter

O STJD concluiu o inquérito que apurava as suspeitas de falsificação de documentos por parte do Internacional, no caso Victor Ramos. A Comissão que investigou o clube entendeu que dirigentes e advogados usaram e-mails adulterados para tentar provar sua tese. Uma das punições sugeridas pela investigação é a expulsão do clube do Campeonato Brasileiro. O relatório tem sido tratado nos bastidores do Tribunal como uma “bomba”. O inquérito também sugere a suspensão de dirigentes.

Entre as punições possíveis, estão o artigo 61 do Código Disciplinar da FIFA e o 234, da Justiça Desportiva Brasileira. A punição de expulsão está prevista na federação internacional como a mais grave possível para a infração de falsificação de documentos ou seu uso. Há também a possibilidade de o clube não poder contratar jogadores. No melhor dos casos, o clube pode receber apenas multa. A Procuradoria vai analisar o relatório e fazer a denúncia nos próximos dias.

Já o artigo 234 prevê suspensão de 6 meses até 2 anos. Estas seriam algumas das punições sugeridas aos dirigentes e advogados. Entre os apontados como culpados no relatório, estão o ex-presidente Vitório Píffero, e vice-jurídico, Gustavo Juchen. Mas o relatório também pede a condenação de advogados terceirizados do clube.

Durante todo o processo, o Internacional refutou com veemência que tenha adulterado os documentos. O clube também alegou que seus advogados foram impedidos de acompanhar a investigação e chegaram a ter um pedido de violação de prerrogativas avaliado pela OAB do Rio Grande do Sul. Em resposta, o STJD afirmou que o clube era investigado e não poderia ter acesso à íntegra das investigações.

Relator 

Internamente, o relator do processo, o auditor Mauro Marcelo, tem sido exaltado pela profundidade de sua investigação. Ele teria ouvido diversos depoimentos, colhido provas técnicas, feito perícias. Ao todo, são três volumes de provas contra o Inter, afirmam.

No início do mês, o auditor esteve em Porto Alegre para interrogar Píffero e o vice-jurídico, mas ambos não foram ouvidos por terem outros compromissos. Na ocasião, o membro do STJD postou mensagens sugestivas em sua conta no Twitter, como comentários sobre o tempo nublado em Porto Alegre, com símbolos que faziam alusão à Justiça.

Na imprensa gaúcha, Mauro Marcelo é apontado como “homem de confiança” de Marco Polo Del Nero por ele ter presidido o Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo, quando o presidente da CBF era presidente da Federação Paulista. O auditor nega que tenha intimidade ou que sofra influência do dirigente.

A íntegra do documento será divulgada pela imprensa na manhã desta quarta-feira. O relatório do inquérito será avaliado pela Procuradoria do STJD, que pode concordar ou não com os pedidos da investigação e encaminhar com seu parecer para julgamento final.

Gabriela Moreira

Olha isso! Nesta 4ªf, têm 2 ingressos para Inter x Palmeiras!

Olha isso! Nesta 4ªf, têm 2 ingressos para Inter x Palmeiras!

Aqui no blog, vamos escolher a frase mais criativa e que traduza o momento do Internacional, naquela que é a principal meta da temporada de 2017.

A ideia é comemorar com os colorados e simpatizantes, os quase 10 anos de “VidarteRepórter”, que acontecerão no dia 9 de junho.

Valendo a partir de agora. A equipe julgadora será composta pela Eliane Aires, Rodrigo Morel e Débora de Oliveira. O limite é de frases que tenham até 140 caracteres.

Responda: de que forma tu traduzes o momento atual do Colorado? 

A manifestação escolhida receberá dois ingressos de camarote da BEIRA-RIO PREMIER CLUB, no SBT ESPORTE, para o jogo desta quarta.

Cito rua Correa Lima, 1949, Morro Santa Tereza. O prazo máximo de envio das mensagens será às 12h de 31/05/2017.

Participem!!!

 

Um pouco do passado de Guto Ferreira no Internacional

Um pouco do passado de Guto Ferreira no Internacional

Apesar do interesse manifestado pelo Inter, Guto Ferreira ainda não recebeu uma proposta direta e concreta para assinar um novo contrato com o clube gaúcho.  Por enquanto, as tratativas estão entre o empresário do técnico e o dirigente Roberto Melo.

Nesta terça, deve acontecer um encontro entre as partes na cidade de Piracicaba, cidade natal de Guto Ferreira, que acabou decidindo não comparecer no programa Bem Amigos, da Rede Globo, marcado para esta segunda-feira.

O auxiliar técnico, André Luiz, tem falado com o blog, desde o domingo à noite, logo depois do jogo do Bahia, pelo Campeonato Brasileiro, série A. André Luiz admitiu que, se surgir uma oportunidade de trabalhar no Inter, será uma grande chance para ambos.

A verdade é que dificilmente toda a comissão técnica do Bahia deixará de se transferir de Salvador para Porto Alegre.  Guto Ferreira será o novo treinador do Internacional nas próximas horas. Me lembro do início dele, lá em 2002.

Guto treinou o Inter como técnico titular e, também, como interino. Foi durante o Gauchão  de 2002, quando ele comandou o time colorado por quatro partidas, em substituição a Ivo Wortmann, que tinha brigado com o presidente Fernando Carvalho.

Apesar de sair campeão, Guto não ficou por muito tempo no cargo. Foram mais ou menos umas quatro ou cinco partidas, até que Celso Roth foi contratado na vaga. Depois, e no mesmo ano, Cláudio Duarte teve que salvar o time do rebaixamento.

Se eu não estiver equivocado, Guto Ferreira teve uma rápida passagem como treinador interino colorado no ano de 2008. E, há ainda, a curiosidade dele ter sido auxiliar de Celso Roth, na semifinal contra o Mazembe, pelo Mundial FIFA de 2010.

 

A demissão de Antônio Carlos e as tratativas com Guto Ferreira

A demissão de Antônio Carlos e as tratativas com Guto Ferreira

A notícia da saída do técnico Antônio Carlos Zago não foi uma novidade para o blog “VidarteRepórter” e o programa “Sbt Esporte”, além das demais plataformas que fazemos parte. Basta clicar e ler, por exemplo, o que foi postado pelo blog, no dia 23:

“Seria precipitada a decisão de demitir Antônio Carlos Zago?”

Publicado em por

Grêmio leva virada do Sport e perde a liderança do Brasileiro

Grêmio leva virada do Sport e perde a liderança do Brasileiro

POSTADO IMEDIATAMENTE APÓS SPORT 4 X 3 GRÊMIO

O Grêmio perdeu o jogo de virada por 4 x 3, a liderança e os 100 por cento de aproveitamento, após as três primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro.

A equipe começou com três zagueiros, chegou a estar vencendo por dois a zero, mas, caiu de rendimento no segundo tempo e acabou sendo derrotada na Ilha do Retiro.

A escalação foi muito diferente daquela que enfileirou quatro vitórias consecutivas na Taça Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Penso que o empate teria sido mais justo por tudo o que aconteceu dentro do confronto entre pernambucanos e gaúchos, apesar de não existir justiça no futebol.

Os titulares ganharam um descanso em função da forte sequência de jogos, especialmente, porque tem uma partida decisiva na quarta-feira contra o Fluminense.

 

 

Antônio Carlos Zago está com os dias contados, mas e a direção?

Antônio Carlos Zago está com os dias contados, mas e a direção?

POSTADO IMEDIATAMENTE APÓS PAYSANDU 1 X 0 INTERNACIONAL

Nada justifica a péssima atuação do Internacional, neste sábado, pela terceira rodada do campeonato brasileiro da série B. Nem mesmo a umidade e o calor podem explicar.

O Inter está completando o seu trigésimo jogo, após quase seis meses, e segue sem um esquema e time definidos, além de uma total  falta de padrão de atuação.

Na derrota de um a zero para o Paysandu, o treinador se superou. Ele conseguiu mudar o esquema, pelo menos, duas vezes no estádio Mangueirão, em Belém.

O momento preocupante começa pela inexperiente direção, que não soube contratar e mandar embora alguns jogadores, inclusive, o próprio despreparado treinador.

A equipe é lenta ou mal planejada. Há problemas na defesa, nas laterais, no meio campo e no próprio ataque. Sem D’Alessandro a situação fica ainda mais grave.

Zago está com os dias contados. Os resultados vão provar isso. Marcelo Medeiros precisa, também, mudar os dirigentes que coordenam o departamento de futebol.

Opinem.

Entre a cruz e a espada

Entre a cruz e a espada

Tem gente desvalorizando a vitória gremista sobre o Zamora, pela última rodada da fase de classificação da Liberadores da América. Por isso, o futebol é maravilhoso.

Sem dúvida é o esporte mais comentado e popular do planeta. Nesta 5ªf, houve quem dissesse que foi uma belíssima pelada entre um time profissional e outro semiamador.

“Cada um fez o que bem entendeu e cada qual querendo resolver sozinho em detrimento do coletivo”, escreveu um dos nossos comentaristas do blog.

Outra turma pensou diferente. Opinou que o time fez o que tinha que ser feito: jogou bem e goleou um adversário mais fraco!

Talvez, não consigo entender como poderia ser um dilema ficar entre a cruz – que simboliza algo de bom – e a espada – que pode ferir e matar.

Seria mais fácil de entender se fosse entre o fogo e a espada, ou ficar indeciso entre algo bom e algo ruim, ou algo seguro e algo perigoso.

Opinem.