Mês: outubro 2016

As novas chances de Grêmio e Internacional

As novas chances de Grêmio e Internacional

O professor Tristão Garcia foi o nosso convidado especial do programa Sbt Esporte desta segunda. Ele comentou as chances da Dupla Gre-Nal, nesta reta final de ano.

O matemático jamais se omitiu, também, de dar opinião sobre os assuntos dentro das quatro linhas do gramado. Ele fez algumas previsões e projeções.

Uma delas: apesar do foco gremista ser a Copa do Brasil, o Tricolor cresceu no campeonato nacional. Os percentuais aumentaram de 23% para 28%.

Tristão fez ainda um cálculo mesclando as chances do Brasileiro com a Copa do Brasil. A equipe de Renato Portaluppi tem (+-)75% de chances de alcançar a Libertadores.

Já o Inter teve uma rodada extremamente ruim. O empate com o lanterna da tabela, aumentou as chances de queda de 19% para 29%.

A equipe de Celso Roth, que poderia ter terminado a rodada a quatro pontos do Z-4, está a dois e a apenas uma posição da zona de queda para a Série B.

O encontro de domingo contra o Palmeiras poderá começar a definir quem é quem na Província de São Pedro.

Dos quatro semifinalistas, segundo o comentarista Tristão Garcia, o Atlético Mineiro é o que reúne mais condições de ganhar o título da Copa do Brasil. Será?

Opinem.

Inter com dez, empata com o lanterninha

Inter com dez, empata com o lanterninha

POSTADO IMEDIATAMENTE INTER 0X0 SANTA – NÃO ACOMPANHAMOS O JOGO DO GRÊMIO

Parecia que seria uma partida fácil para o Internacional. Com poucos minutos de jogo, Vitinho tinha marcado o primeiro.

Beira-Rio cheio, time motivado, alguns resultados paralelos positivos e contra o lanterninha do Campeonato.

Mas, apesar de arrancar na frente, o árbitro acabou expulsando Eduardo Henrique, logo depois do empate.

Na sequência, o Santa Cruz, que tinha marcado com o veterano Léo Moura, só administrou e mereceu o resultado.

No segundo tempo, houve duas ou três chances para o Inter e uma para os pernambucanos. Placar final 1 x 1.

Opinem.

PS: Não foi possível acompanhar com atenção o empate dos reservas do Grêmio com o Figueirense (0X0). Se alguém tiver disponibilidade, seria legal contar com os comentários de todos vocês. Obrigado!

Começou a onda!

Começou a onda!

1

O repórter pernambucano terá que esclarecer o assunto. A afirmação do Diego Toscano é forte. Duvido que ele consiga comprovar a notícia. De qualquer maneira, somente há um jeito de avançar no assunto. Será com a divulgação do nome do atleta do Santa Cruz que se diz com raiva porque teve gente do Inter pedindo grana para “amolecer”.

Opinem.

O Grêmio poderia administrar a briga de Edílson e Dourado

O Grêmio poderia administrar a briga de Edílson e Dourado

O Sbt Esporte mostrou nesta quinta-feira, a entrevista concedida pelo volante Rodrigo Dourado sobre o Gre-Nal 411, na Arena. Dourado disse que, o fato do jogador gremista ter se recusado a pedir desculpas a ele, foi visto como uma falta de respeito e educação.

Rodrigo Dourado espera justiça pelos acontecimentos do último clássico Gre-Nal. “Acho que respeito e educação vem de casa. Isso faz parte, ele (Edílson) não quis pedir desculpa. Estou de cabeça tranquila e espero que ele seja punido, assim como o árbitro da partida”.

Na minha opinião, o Grêmio deveria interceder no caso tentando administrar a confusão. Não vejo qualquer problema de um pedido de desculpas. Seria, certamente, um exemplo positivo para o torcedor de Grêmio e Internacional. Mas é apenas a minha opinião.

Opinem.

Inter perde para o Galo e o Grêmio rasga com a touca cruzeirense

Inter perde para o Galo e o Grêmio rasga com a touca cruzeirense

POSTADO IMEDIATAMENTE APÓS OS JOGOS DE IDA DAS SEMIFINAIS DA COPA DO BRASIL

Devido ao adiantado da hora, o blog vai contar com a participação dos nossos comentaristas de plantão para tentar elucidar todas as nuances dos jogos de ida pelas semifinais da Copa do Brasil.

No Beira-Rio, o Internacional encarou o Atlético Mineiro e perdeu por dois a um. O primeiro gol atleticano foi de Otero, após uma vitória pessoal de Pratto em cima de Alan Costa.

O empate colorado foi através de um pênalti marcado sobre Anderson e convertido por William, que superou o ótimo goleiro Victor. A vitória mineira foi através de Pratto, depois de um contra-ataque fulminante do Galo.

No Mineirão, com um verdadeiro golaço de Luan, no primeiro tempo, após o time gremista trocar passes por mais de um minuto, sem o adversário tocar na bola, o Grêmio fez um a zero. A turma está dizendo que o gol foi uma herança deixada de Roger para Renato.

O Grêmio acabou marcando dois a zero através de Douglas, aliás o único titular que não entrou em campo no último Gre-Nal. Placar de dois a zero que encaminha quase que definitivamente o Tricolor para as finais.

A equipe tricolor estava há doze partidas sem vencer do Cruzeiro, no Mineirão. A última vitória gremista foi em 1998, também, pelo placar de dois a zero.

Opinem.

PS: para os desavisados, a previsão tanto aqui no SBT ESPORTE, como na rádio e no blog estava correta. Observem a nossa previsão:

Rapidamente o que a gente pode especular dos quatro semifinalistas: Grêmio x Cruzeiro, eu diria que o Grêmio tem um ligeiro favoritismo, porque decide em casa a vaga de finalista.

E para Inter x Atlético, penso que o Galo seja favorito, porque decide em Minas e, também, porque os mineiros resolveram jogar com os titulares até o final.

Cruzeiro é touca do Grêmio em jogos eliminatórios

Cruzeiro é touca do Grêmio em jogos eliminatórios

O bom goleiro Bruno Grassi lembrou, no Sbt Esporte, dos últimos encontros do Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro de 2016. A Raposa não sofreu um gol sequer nos últimos cinco jogos da competição. Senão vejamos:

A série invicta ou sem sofrer gol começou contra o Tricolor: Cruzeiro 1 x 0 Grêmio; Cruzeiro 2 x 0 Ponte Preta; Palmeiras 0 x 0 Cruzeiro; Cruzeiro 0 x 0 Chapecoense e Vitória 0 x 1 Cruzeiro.

Na Copa do Brasil, os mineiros tiveram 100% de aproveitamento, com exceção de uma derrota para o Corinthians. Vejam os confrontos: Campinense, Londrina, Vitória, Botafogo e Timão.

Mas tem algo que deverá estar preocupando ainda mais os gremistas. Apesar do Grêmio ter que encarar uma equipe que jamais ganhou mundial, o Cruzeiro é uma verdadeira touca dos tricolores.

Nos quatro confrontos eliminatórios, os mineiros levaram todos, inclusive, a decisão de 1993, quando o Grêmio foi derrotado, no Mineirão. No primeiro jogo, deu empate no Olímpico, zero a zero, com muita chuva.

Em Belo Horizonte, o Grêmio venceu o Cruzeiro em apenas quatro oportunidades. Três no Mineirão (2×1 1982; 2×1 1997; 2×0 1998) e uma no Independência (3×1 2012). Na atual temporada, fora de casa, deu Cruzeiro 1 x 0.

Opinem.

O comentário do Sbt Rio Grande – 2ª edição

O comentário do Sbt Rio Grande – 2ª edição

POSTADO NO BLOG, MAS QUE ESTARÁ À DISPOSIÇÃO EM CANAL ABERTO E NO SITE DA EMISSORA

Após o zero a zero do GreNal, pelo brasileiro, peleado e de pouca inspiração, Grêmio e Internacional começam a projetar a copa do brasil, na próxima quarta-feira.

O inter, inicialmente, pegando o Atlético Mineiro, no Beira-Rio. E o Grêmio, no Mineirão, iniciando batalha contra o Cruzeiro, pelas semifinais do torneio.

Sobre o Colorado, hoje, o vice de futebol, Fernando Carvalho, me garantiu, por telefone, que o time será alternativo contra o Galo. Talvez, ele repita as diretrizes observadas nas etapas anteriores da competição.

Lembram dos reservas eliminarem, primeiro o Fortaleza, e, depois, o Santos. Já o Tricolor Gaúcho, vai seguir escalando a força máxima, desta vez, para encarar o Cruzeiro.

Aliás, os mineiros se pouparam contra o Vitória, da Bahia, só para bater o Grêmio no confronto. Acontece que o técnico Mano Menezes entende ter se livrado do rebaixamento, podendo se dedicar quase que exclusivamente, para Copa do Brasil.

Rapidamente o que a gente pode especular dos quatro semifinalistas: Grêmio x Cruzeiro, eu diria que o Grêmio tem um ligeiro favoritismo, porque decide em casa a vaga de finalista.

E para Inter x Atlético, penso que o Galo seja favorito, porque decide em Minas e, também, porque os mineiros resolveram jogar com os titulares até o final.

Valeu, gente? E tenho dito, meus líderes máximos do futebol brasileiro. Beijo, Lu.

O Gre-Nal 411

O Gre-Nal 411

A internet está oscilando, neste domingo, na Arena. Vamos tomar uma medida preventiva.

Após o jogo, se o blog estiver fora do ar, a gente conta com os nossos comentaristas preferidos sobre o Gre-Nal.

Até o intervalo, houve muito equlíbrio. Um chute para cada lado. Douglas foi a única ausência gremista.

Na rádio, tivemos a chance de antecipar a escalação Tricolor. No entanto, não consegui fazer o mesmo no Inter.

Opinem.

PS: Edílson e Dourado receberam vermelho. O jogo melhorou. Público: 53.287(recorde da história da Arena)

Editado logo depois de Grêmio 0 x 0 Internacional – Brasileiro 2016

De um lado, vale um prato de comida. Do outro, um buffet completo

De um lado, vale um prato de comida. Do outro, um buffet completo

Desde o início da semana, a dúvida entre os dirigentes gremistas é se eles vão tentar afundar o Inter de vez ou se o Tricolor vai procurar novamente um título que vem perseguindo há vários anos. No momento, o Grêmio só tem a chance de conquistar algo através da Copa do Brasil.

Dos lados do Beira-Rio, não tem qualquer espaço para “mimimi”. O Colorado apenas tem a possibilidade de lutar, como se estivesse brigando por um prato de comida, diferentemente do adversário, que pode escolher qual o tipo de buffet estará disposto a consumir, no domingo.

Por isso, se eu tivesse que apostar dinheiro na vitória de um dos dois lados, colocaria todas as minhas fichas na vitória do Internacional. No entanto, Gre-Nal sempre é muito complicado. Prefiro aguardar, também, a opinião de vocês, meus comentaristas preferidos.

Opinem.

Grêmio passa e a semifinal será entre gaúchos e mineiros

Grêmio passa e a semifinal será entre gaúchos e mineiros

POSTADO IMEDIATAMENTE APÓS PALMEIRAS 1 X 1 GRÊMIO

Deu a lógica no confronto entre Palmeiras e Grêmio pelas quartas de final da Copa do Brasil. O Verdão jogou com os reservas e nada mais justo que o empate entre os dois times, após ter começado o segundo jogo perdendo por um a zero, em São Paulo.

Talvez, se o técnico Renato tivesse trocado antes o equatoriano Bolaños, o sofrimento teria sido menor. De qualquer maneira, classificou quem esteve durante todo o tempo focado.

O Grêmio vai enfrentar na próxima fase da competição o Cruzeiro, de Mano Menezes. Grêmio e Cruzeiro que já fizeram grandes jogos e decisões na história do futebol brasileiro. Ambos já conquistaram quatro títulos na Copa do Brasil.

Na outra semifinal, Internacional e Atlético Mineiro medirão forças. Será um embate de mineiros e gaúchos. Alguém arrisca dizer quem está melhor preparado?